Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player


* * * CANIL SCADUFAX * * *
::: Especializado na criação de DOGO ARGENTINO :::


AS VANTAGENS DOS MINERAIS QUELATADOS PARA CÃES E GATOS

1 - Introdução

Os minerais são importantes nutrientes na manutenção da qualidade de vida atual e principalmente no futuro bem-estar dos cães e gatos, que cada vez mais atingem uma idade superior na convivência com os seres humanos. O fornecimento balanceado dos minerais pode contribuir na prevenção de problemas de saúde dos ossos, articulações, trato urinário, coração e no metabolismo da glicose no organismo. Esses problemas aparecem com maior freqüência em animais idosos. No entanto, benefícios significativos podem ser alcançados nos animais jovens quando observados dois aspectos principais: primeiro, a quantidade dos minerais o ideal é uma formulação com níveis ótimos, sem faltas ou excessos que possam ser prejudiciais.
Segundo, a qualidade do mineral fornecido. Esse será o tema que abordaremos no presente trabalho.
Estudos atuais demonstram a melhoria da absorção dos minerais através de seu fornecimento associado a uma molécula orgânica, ou seja, os minerais quelatados. Essas formas orgânicas apresentam melhor absorção em relação aos minerais simples e possuem a vantagem de depositarem os minerais nos tecidos onde serão melhor utilizados. Alguns dos benefícios práticos dos minerais quelatados em cães e gatos são a melhor qualidade da pelagem e o ganho na performance na reprodução.

2 - O que são

Minerais quelatados podem ser definidos como minerais que são quimicamente ligados a aminoácidos (compostos primários das proteínas). Podem ser classificados também como minerais orgânicos. Essas ligações iônicas podem ser bicíclicas ou tricíclicas, quando o mineral está ligado a dois ou três aminoácidos, respectivamente. Os principais minerais quelatados são: zinco, ferro, cobre, magnésio, manganês, cromo, selênio e cobalto. O efeito positivo desses compostos só é alcançado quando produzidos com tecnologia avançada por empresas conceituadas no desenvolvimento desses nutrientes.

3 - Como agem

A maioria dos alimentos para cães e gatos fornece os minerais em sua forma simples (não quelatada). Contudo, todo mineral, para ser absorvido, deve fazer uma ligação iônica com os aminoácidos que se encontram livres no estômago e intestino, ou aqueles presentes na membrana das células do trato intestinal. Essa ligação é denominada quelação. Vários fatores podem interferir nesse processo quando ele ocorre dentro do organismo. O mais freqüente é a competição de diferentes minerais para se ligarem aos mesmos aminoácidos. Isso ocorre somente com os minerais na forma simples, impedindo que alguns deles sejam absorvidos.
Esse é o caso do zinco e o cobalto que precisam da metionina para serem absorvidos. O zinco quelatado não sofre a influência de minerais antagonistas (cobalto) na sua absorção, esse fato é constatado pela maior taxa de absorção, menor excreção urinária e por sua maior distribuição nos tecidos (Lowe, 1996).

Os minerais quelatados diminuem os riscos da não absorção, pois entram no trato intestinal já ligados ao aminoácido. O mineral quelatado é absorvido pelo organismo e nele se mantém intacto, ou seja, a sua ligação com o aminoácido permanece inalterada. Essa absorção é feita por um mecanismo de transporte passivo (Wapnir e Stiel, 1986).
O uso de minerais ligados a aminoácidos decorre do fato de existir uma necessidade específica de certos tecidos e sistemas enzimáticos do organismo por determinados tipos de aminoácidos.
Como sabemos, os aminoácidos são os compostos primários das proteínas. Assim, quando eles são transportados pelo organismo para o seu tecido específico, carregam juntamente o mineral que a ele estiver ligado, garantindo a absorção e deposição do mineral no tecido que ele necessita. Resumindo, o mineral aproveita-se do aminoácido como um “guia” até seu destino final
.

TECIDOS DO ORGANISMO ATENDIDOS POR MINERAIS QUELATADOS

MINERAL AMINOÁCIDO TECIDO ATENDIDO
Zinco
Metionina
Pêlos
Cobalto Triptofano Coração e rins
Cobalto Metionina Baço, coração e pulmões
Cobre Triptofano Músculos
Cobre Lisina Ossos
Cobre Histidina Fígado
Manganês Não específico Fígado, músculos e útero
Ferro, Cobre,
Zinco e Manganês
Não específico Metabolismo de
oxigenação celular
Universidade da Flórida ,1992

4 - As vantagens

Essa associação entre o mineral e o aminoácido, antes de entrarem no organismo, aumenta a “ biodisponibilidade” do mineral. Esse termo denota quanto do mineral absorvido encontra-se disponível para ser utilizado pelo organismo. Pelo exemplo a seguir podemos notar a maior concentração de ferro quelatado nos tecidos e sua menor eliminação nas fezes, quando comparado ao ferro em sua forma simples.

COMPARAÇÃO MÉDIA DA RETENÇÃO E DA DISTRIBUIÇÃO DO FERRO*

TECIDO FERRO
SIMPLES
FERRO
QUELATADO
%DE ^ OU v
Coração 63
151
^^
Fígado
136 243 ^
Cérebro 31 130 ^^^
Glóbulos vermelhos 724 2.076 ^^
Fezes 302.400 214.000 v
*cc/m/mg

Pelagem e zinco

O zinco tem sua importância em muitas reações metabólicas no organismo, mas o seu maior benefício é observado na melhoria da qualidade da pele e pêlo de cães e gato. Usando-se parâmetros como velocidade de crescimento dos pêlos, presença de zinco no sangue e pelagem, diversos pesquisadores chegaram à conclusão da maior absorção dos mineraisquelatados em comparação aos simples (Lowe et al., 1994; Kuhlman et al.,1997; Lowe& Wiseman, 1997). O zinco associado à metionina (quelatado) foi achado na pelagem em uma concentração duas vezes maior em relação ao zinco simples em um desses estudos, como representado na figura abaixo (Lowe et al., 1994). O mesmo autor detectou uma concentração 3,5 vezes maior do zinco quelatado na pelagem, em experimento com cães em 1997. Logo, fica claro que o zinco quelatado tem absorção e metabolismo diferentes do zinco na forma simples.
Essas evidências nos levam a considerar o zinco quelatado melhor em relação ao zinco simples na qualidade da pelagem dos cães e gatos.


ABSORÇÃO DOS MINERAIS NO INTESTINO DELGADO



Reprodução, zinco, cobre e manganês

Um importante estudo realizado por Kuhlman et al., 1998, demonstrou que dietas com zinco, cobre e manganês quelatados afetam positivamente a performance reprodutiva em cadelas da raça Beagle. Esses minerais na sua forma orgânica (quelatado) são mais rapidamente disponibilizados no organismo da cadela, em relação a sua forma simples. Nesse trabalho, um grupo de 17 fêmeas da raça Beagle recebeu uma dieta com zinco, cobre e manganês quelatados e outro grupo com o mesmo número e da mesma raça recebeu uma dieta com minerais simples.
O grupo que recebeu os minerais simples teve uma média de 6,2 filhotes por ninhada. Ao passo que o grupo que recebeu a dieta com minerais quelatados teve uma média de 7,3 filhotes por ninhada. Segundo o autor, os resultados desse estudo demonstram que esses minerais quelatados aumentam a performance reprodutiva das cadelas.


5 - Conclusões

Os minerais quelatados são compostos nutricionais recentemente desenvolvidos para otimizar a absorção dos minerais e conseqüentemente aumentar a biodisponibilidade para a sua utilização no organismo de cães e gatos. Apresentam a vantagem de não precisarem realizar o processo de quelação no interior do organismo, como devem fazer obrigatoriamente os minerais simples. Esse processo muitas vezes sofre a interferência de outras substâncias e pode não ser realizado de acordo com as necessidades do animal. Os minerais quelatados proporcionam um “atalho” no processo de absorção e aumentam a sua disponibilidade em tecidos específicos como demonstrado pelos estudos acima.
Além de trabalhar com níveis ótimos, sem excessos ou deficiências, os produtos da linha Super Premium da PremieR pet utilizam seus minerais (zinco, ferro, cobre, manganês e selênio) na forma quelatada. São desenvolvidos por alta tecnologia e importados da Europa, proporcionando uma garantia de absorção desses nutrientes, contribuindo na otimização das funções reprodutivas e ajudando a manter a pele e pêlos saudáveis.




voltar

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player